sábado, 4 de agosto de 2012

Educação patrimonial


Santa Maria Madalena vive um momento de intensa discussão sobre as formas de utilização e preservação de seu casario histórico. O tema vai entrar na FLIM através de duas divertidas atrações para jovens e crianças a partir de 7 anos de idade.
Os professores Andréa Sampaio e Sergio Bahia, da Escola de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal Fluminense, vão conduzir uma oficina de maquetes, na qual os participantes construirão protótipos de edificações exemplares da arquitetura madalenense do século XIX. Além disso, os jovens poderão participar de um jogo de tabuleiro batizado de “Tesouros de Madalena”. O jogo educativo trabalha aspectos do patrimônio imaterial, cultural e paisagístico do município.
As oficinas serão realizadas no sábado, 25 de agosto, de 10h às 16h, num local mais do que apropriado: a casa de número 1 da Rua Barão de Madalena, imóvel considerado de valor arquitetônico pelos dois especialistas da UFF. 

2 comentários:

  1. Parabéns! Pois a maior militância já feita pela sociedade civil aqui em Madalena está sendo feita agora; 'DIGA NÃO AO TOMBAMENTO, QUEM MANDA NA MINHA CASA SOU EU', talvez os palestrantes consigam mudar essas cabeças! Difícil tarefa!!!

    ResponderExcluir
  2. Já dizia ALBERT EINSTEIN: "Só há duas coisas infinitas: o Universo e a Estupidez Humana, mas não estou muito seguro da primeira. Da segunda pode-se observar como nos destruímos só para demonstrar quem pode mais."

    ResponderExcluir